Retinopatia da Prematuridade

  • Retinopatia da Prematuridade

    A retinopatia da prematuridade é uma das principais causas de cegueira no Brasil e na América Latina. Ela pode ocorrer em bebês nascidos prematuros, em especial aqueles que nasceram com menos de 32 semanas ou 1500gramas.

    Os bebês nessas situações devem ser examinados ainda no Hospital ou quando completarem 30 dias de vida.

    O exame dos bebês prematuros é realizado com dilatação da pupila e com um aparelho para abrir os olhos adequadamente sob anestesia tópica. O exame é rápido e permite avaliar se a Retina está completamente vascularizada.

    Em bebês extremamente prematuros a retina ao nascimento não está completamente formada e devido ao uso de oxigênio, muito necessário para o bebê respirar adequadamente nos primeiros dias ou semanas de vida pode ocorrer a Retinopatia que é vista no exame do fundo de olho.

    Quando a doença atinge um grau de gravidade pode ser necessário a aplicação de um laser ou de medicações intraoculares para impedir a progressão do problema, que pode, inclusive, levar ao descolamento da retina e à cegueira.

  • Problemas com Retinopatia da Prematuridade? Marque uma consulta

  • Nosso diferencial no tratamento da Retinopatia da Prematuridade

    Dra. Luisa Moreira Hopker tem ampla experiência em Retinopatia da prematuridade.
    Coordena 2 Serviços de retinopatia da prematuridade com alto fluxo de bebês prematuros avaliando anualmente mais de 450 bebês com esta condição.

    — Dra. Luisa Moreira Hopker