Piscar excessivo na infância: como tratar

janeiro 19, 2021

O ato de piscar é muito importante e necessário para proteger e lubrificar a parte anterior dos olhos, a córnea e a conjuntiva. O aumento da frequência do piscar pode ocorrer devido a tiques motores, excesso do piscar ou blefaroespasmo (espasmo das pálpebras).

O tique motor  é mais comum na infância e se caracteriza por uma contração rápida e exagerada do músculo orbicular, responsável por fechar os olhos. Nestes casos, a frequência de piscar aumenta quando a criança está cansada ou ansiosa. 

O tique motor é uma causa muito comum de aumento do piscar em crianças e afeta mais meninos que meninas, em geral entre 3-5 anos. Na maioria dos casos resolve espontaneamente em semanas a meses. Quanto menos os pais chamarem atenção da criança sobre o assunto, mais rápido resolverá. 

Pode também ocorrer em crianças com alterações psiquiátricas tais como Transtorno e déficit de atenção, Autismo, Esquizofrenia, Transtorno obsessivo-compulsivo, comportamento  impulsivo, ansiedade de separação e depressão

O excesso do reflexo do piscar pode ocorrer ainda devido a doenças ou irritação da superfície ocular tais como ceratite ou outras alterações do epitélio corneano. O olho seco é uma das causas comuns em crianças, especialmente quando usam em excesso eletrônicos. 

Outras causas importantes são o glaucoma infantil, Síndrome de Tourette e espasmo hemifacial e mioquimia que podem ocorrer por lesões cerebrais. 

Se seu filho apresentar um excesso de piscar por um período longo, consulte um oftalmologista para realizar um exame oftalmológico completo e saber como lidar com essa questão. O tratamento vai depender da causa. Na maioria das vezes não há doenças graves por trás desse sintoma, mas somente um especialista pode dizer a melhor conduta a ser tomada.  

Deixe um comentário
Estrabismo acomodativo: o que é e como é o tratamentoComo funciona a Toxina botulínica no tratamento do estrabismo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?